Messi faz “doblete” e Barça supera Arsenal; Totthenham segura e avança na Liga dos Campeões; Schalke e Shakhtar vão sonhar alto

Acabaram-se metade dos confrontos da oitavas da Champions League.

No Camp Nou o todo poderoso Barcelona bateu o Arsenal e mostrou porque é mesmo o melhor do mundo e um dos maiores times que todos vimos jogar. A equipe demonstrou todo seu limite, jogando um futebol que ninguém almeja superar, pelo menos pelos tempos atuais.
A equipe de Pep Guardiola venceu os ingleses por 3 a 1, com Messi novamente deixando suas marcas – foi seu sexto gol em quatro apresentações contra o Arsenal. O argentino fez um golaço encobrindo o goleiro Almunia e depois só tocando para fazer. Depois, como ninguém consegue ser “sofisticado como um jogador de playstation” toda hora, ele bateu simples e garantiu a vaga barcelonista com 4-3 no placar agregado.
Ao Arsenal resta sentar e chorar. Jogadores a equipe londrina tem – faço exceção ao dinamarquês Nicklas Bendtner, o Washington da Dinamarca. Só que o Barça é diferente, tem time demais. E parece que novamente vai caminhar ao título da Liga, o que seria seu quarto. Se a arbitragem interferiu, pode até ter interferido. Mas, quando se trata do Barcelona, não se pode dar o mérito ao árbitro e sim à equipe catalã. Pode bater palmas.

Falando de outro time londrino e rival do Arsenal, o Totthenham Hotspur conseguiu eliminar o Milan, sem tomar um golzinho sequer. Se você for dizer que se retrancou, e daí? Pouco importa. Não se pode tirar o mérito do bom trabalho de Redknapp no comando dos Spurs. O time londrino é bom.
Ao Milan resta o Scudetto e a Copa da Itália.
Destaque para a boa atuação de Pato, que levou perigo ao compatriota Gomes em diversas vezes, mas a bola não quis entrar.
E Ibra. Só três gols na Liga em toooooda carreira. Que vergonha…

Mudando o assunto, vamos pra Shaktar e Schalke. Sonham alto. Primeiro, tenho que parabenizar a equipe ucraniana pela apresentação contra a equipe da capital italiana, a Roma. 3 a 0 na volta. 6 a 2 no placar combinado. A equipe conta com no mínimo 4 brasileiros na formação inicial – são eles Douglas Costa, William, Luiz Adriano e Jádson, convocado por Mano.
O Schalke 04 de Raúl passou pelo Valencia. E iria ser legal em termos você ter um Schalke e Real. Só pra ver o Raúl voltando ao Bernabeu, só que com outra camiseta.

Palpites para as outras oitavas:

Manchester United x Olympique de Marselha – vitória do time de Ferguson. A equipe é boa e consistente demais para perder em casa, e ainda mais pro Marseille.

Bayern de Munique x Inter de Milão – Leonardo faz bom trabalho na equipe nerrazurri mas a vantagem do time de Munique é larga se você olhar com cuidado para um confronto de nível como este é. Eu sei que no geral a Inter é mais time, mas o Bayern passa com um empate.

Chelsea x Copenhaguen – Chelsea atropela em Stamford Bridge. De três a zero pra cima. A equipe é boa e está se acertando. O foco é a Champions, então, nada melhor do que uma atuação de gala; ainda pode ser o dia de Torres.

Real Madrid x Lyon – Quando Florentino Pérez contratou Mourinho o motivo era passar das oitavas da Liga dos Campeões. Chegou a hora da verdade. Mourinho está aí para o Madrid passar, e acho que vai fazê-lo passar. Vitória do Real. Arrisco o placar: 2 a 0.

Siga-me no twitter: felipesaturno

Por: Felipe Saturnino

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: