Panoramas e caminhos

O Santos da quarta-feira passada apresentou uma retração de produtividade, quando se relaciona e se compara o mesmo time que abateu o Once Caldas e o Cerro Porteño. Há, mesmo assim, de se ressaltar que, um jogo de final é algo mais complexo que todos os entraves anteriores no torneio; a tensão, os erros, o nervosismo é muito maior do que tudo que ocorrera antes.

O panorama de hoje vai depender de tudo isso citado. E um pouco mais. Afinal, como você vai prever um panorama?

Não quero fazer fazer previsão, não tenho habilidades suficientes para o mesmo. Mas, não seria um risco pressupor alguns caminhos que o jogo pode tomar.

Santos no 4-3-1-2 com Ganso e Peñarol tentando se postar em um defensivo 4-4-1-1. Neste caso o jogo se torna mais favorável, circunstancialmente, ao Santos, por monopolizar as ações na faixa intermediária de campo, ditando o ritmo com alternâncias de velocidade – com infiltração de volantes – e cadencia de jogo, com Ganso comandando a troca de passes fluente pelo setor. No caso, o Peñarol se posta defensivamente. Nada que não possa ser dramático. Com o uso dos espaços supostamente deixados por laterais e volantes, se pode tirar vantagem de um esquema como este. Os pontos fortes seriam o contragolpe fluente pelos lados, com incidência de Mier e Corujo, com Martinuccio atuando centralizado, voltando e buscando bolas, e a marcação que deixaria ainda menos espaços à Neymar e aos volantes santistas. Para isso, há Ganso. Dependendo do encaixe tático, o meia santista baterá de frente com Freitas ou Aguiar. Na teoria, os dois vão se alternar na marcação ao articulador clássico.

Santos sem Ganso inicialmente e Peñarol bem postado, jogo mais parelho. O jogo seria mais parelho, já que o Santos do Uruguai, no Centenario, sem Ganso, foi um time com Arouca comandando as ações centrais, Elano postado à direita e Danilo pela esquerda. A equipe pecou na finalização e pouco criou na primeira etapa. Na segunda etapa, a mesma disposição tática propiciou mais chances de gol, graças à infiltração de Alex Sandro, apoiador canhoto, que fez um bom jogo. Zé Eduardo desperdiçou duas chances de gol. Neymar pouco fez. Muito se deve à marcação dos uruguaios ‘carboneros’ que se postarão da mesma forma que se postaram, definitivamente. O jogo tende a ficar mais parelho, o Peñarol teria quase o mesmo tipo de situação com a qual se deu de frente em seus domínios, há sete dias. Como na ida, olho em Martinuccio. Destaque e avisos, novamente, aos “wingers” Mier e Corujo, que atiçam o Peñarol com jogadas laterais, que são perigosas.

Santos da ida, sem Ganso, Peñarol com Estoyanoff. Uma possibilidade mais remota. Todavia, é uma possibilidade. Se Aguirre realmente quer um time com maior presença, dando mais calafrios aos santistas, a opção de Estoyanoff seria aconselhável. O meia-atacante, que entra bem em jogos, na última semana, no jogo de ida, entrou, e deu certo trabalho a um Alex Sandro que apoia bem e deixa espaços; hoje ele teria pela frente Léo. O lateral jogará. Estoyanoff, também?

Mini-jogos

Léo/Alex Sandro x Corujo/Estoyanoff – Corujo é menos atuador no campo ofensivo adversário, mas não deixa de ser perigoso. Pelo menos, o Peñarol é ideal com ele. Estoyanoff, em contraponto, é mais incisivo, agressivo, persistente, características notáveis em um atacante de média qualidade. Ou boa. Fato dado e constatado é que atrapalharia a vida de Léo. E também de Alex Sandro. Dois laterais que podem ter carências em marcação – apesar de achar Léo um ótimo lateral, em marcação e apoio.

Adriano x Martinuccio – Martinuccio é o jogador mais talentoso do time uruguaio. Porém, há de se ressaltar também que, mesmo sendo a esperança de desafogo do jogo do time uruguaio, o meia não tem características de cadencia, e sim características de mantimento do ritmo de velocidade, a que se impõe o Peñarol. Adriano, volante santista, marcara bem o meia camisa 10 dos ‘carboneros’. Agora é hora de ver o tira-teima final. Martinuccio terá de mudar, se desprender, ser mais jogador do que é. Claro que ressalto mais opções para jogo são fundamentais no caso. Mas, o camisa dez, em um time que repete-se com o da ida, seria ou será a maior esperança de talento de jogo.

Pará x Mier – Um embate interessante. Pará é bom lateral, melhorou com o decorrer do tempo. Não é o melhor da posição, mas sabe apoiar e no quesito de marcação vai bem no combate individual. Mier é robusto, forte, leva as bolas ao fundo e as cruza ou arruma um jeito de jogar mais eficientemente. O entrave é equilibrado. Aqui, tudo pode acontecer. O que se sabe é que Mier não terá vida fácil. Pará, para levar a bola à linha de fundo, se for a situação, terá de atravessar o meia esquerda do Peñarol e ainda, o lateral/zagueiro Dario Rodriguez.

Ganso/Arouca x Freitas e/ou Aguiar – Se Ganso confrontá-los – sim, a marcação se alternar entre os dois volantes – o Peñarol terá que se preocupar. Porém, mais um volante terá espaço numérico para se infiltrar. No caso, Arouca e/ou Elano. Na outra suposição de Arouca atuar como meia centralizador, o Santos sofrerá mais, já que todos sabem quem é esse tal de PH Ganso. Seus passes e suas jogadas sempre gerarão grandes chances ao definidores-chave, ou, até mesmo, aos citados volantes, que teriam mais comodidade ao avançarem no campo do Peñarol, sabendo do que podem receber.

Chave do jogo. Marcação pressão e, especialmente, movimentação e ocupação de espaços por Neymar, já que terá de procurar mais espaços para se movimentar, sabendo da marcação que terá pelo lado direito da defesa carbonera. Talvez, atuando por de trás do volantes, vindo partindo com a bola, costurando jogadores, o jogador dê liga. O seu jogo da ida representou-se por muito pouco perto do potencial de Neymar. E, desta vez, terá ao seu lado Ganso.

Por: Felipe Saturnino

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: